Fundada aos 14 de abril de 2006 pelo Jornalista Eraldo de Freitas - E-mails: redacao@sbcbrasil.com.br

Cidadão Repórter

(65)9966-5664
Várzea Grande(MT), Sexta-Feira, 22 de Outubro de 2021 - 03:51
02/08/2021 as 09:37:35 | Por R7 | 352
Tóquio: após ouro e prata, Rebeca Andrade fica em 5º lugar no solo
Ginasta, que conquistou prata no individual geral e ouro no salto, voltou a se apresentar ao som de Baile de Favela no solo
Fotografo: RICARDO BUFOLIN/PANAMERICA PRESS/CBG
Rebeca Andrade ficou em 5º lugar na final do solo

Ouro no salto e prata no individual geral, a ginasta brasileira Rebeca Andrade não conseguiu conquistar sua terceira medalha nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020. Ela se apresentou em sua terceira final, na manhã desta segunda-feira (2), no solo da ginástica artística.
 
Ao som do funk Baile de Favela, do MC João, a brasileira foi a penúltima a se apresentar no aparelho, e recebeu nota 14.033. Rebeca ficou na quinta colocação do aparelho.
 
O ouro ficou com Jade Carey, dos Estados Unidos, que recebeu nota 14.366. A italiana Vanessa Ferrari ficou com a medalha de prata, após ganhar nota 14.200. Empatadas com 14.166, as ginastas Mai Murakami, do Japão, e Angelina Melnikova, do Comitê Olímpico Russo, ficaram com o bronze.
 
Em Tóquio 2020, Rebeca se tornou a primeira mulher a conquistar uma medalha para o Brasil na ginástica artística, após ganhar a prata, na última quinta-feira (29), na disputa do individual geral. Na ocasião, o som Baile de Favela já havia se destacado.
 
No domingo (1), quando ganhou a medalha de ouro no salto, a ginasta também se tornou a primeira mulher brasileira a conquistar duas medalhas em uma mesma edição de Jogos Olímpicos.




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil