Fundada aos 14 de abril de 2006 pelo Jornalista Eraldo de Freitas - E-mails: redacao@sbcbrasil.com.br

Cidadão Repórter

(65)9966-5664
Várzea Grande(DF), Segunda-Feira, 25 de Janeiro de 2021 - 23:38
29/12/2020 as 08:00:30 | Por MARIA BARBANT | 416
Obras de reforma e construção de novas unidades transformam a infraestrutura escolar
Mesmo com as restrições impostas pela pandemia gestão Emanuel Pinheiro não para obras da Educação
Fotografo: Jorge Pinho
Mesmo com a pandemia, provocando diminuição do ritmo de algumas obras, em 2020 a Educação não parou

Uma das marcas da gestão Emanuel Pinheiro na Educação, além dos investimentos no pedagógico e na formação dos profissionais, o programa de modernização da infraestrutura está promovendo uma grande mudança na rede pública municipal de Ensino, com a retomada de obras que estavam paradas e a reforma e ampliação de unidades educacionais. Mesmo com a pandemia, que provocou a diminuição do ritmo de algumas obras, em 2020 a Educação não parou.
 
No segundo semestre o prefeito Emanuel Pinheiro entregou as obras de cinco unidades educacionais, sendo duas delas do campo e em novembro autorizou a assinatura das ordens de serviço para reforma geral e obras do Programa Kit Telhado, em nove unidades.
 
Irão passar por reforma geral as EMEB Quintino Pereira de Freitas, no bairro Canjica; São João Bosco, no bairro Cidade Alta; EMEBC Novo Renascer, na Estrada Rio dos Couros; Creche Umuarama, no bairro Umuarama e a creche Ale Guilherme Arfux da Costa, no bairro Jardim União. As EMEB São Sebastião, no bairro São Sebastião; EMEB Filogônio Correa, no bairro Campo Velho; EMEB Tereza Benguela, no Jardim Comodoro e Aristotelino Alves, no 1º de Março, receberão o Programa Kit Telhado. .
 
Entrega de obras
 
Em agosto, o prefeito Emanuel Pinheiro entregou as obras de reforma geral com ampliação das Escolas Municipais de Educação Básica do Campo (EMEBC) Profª Hilda Caetano de Oliveira Leite, no Distrito de Nossa Senhora da Guia e da EMEBC Profª Benedita Xavier Rodrigues, no Distrito de Sucuri.
 
As unidades foram construídas com recursos do Programa Seis Salas, do Governo Federal com contrapartida do Município, e além de novos espaços as unidades receberam novos aparelhos de ar condicionado do Programa Climatizar é Humanizar e mobiliários escolares.
 
Nas duas unidades, as obras estavam paradas e a sua retomada foi um compromisso assumido pelo prefeito Emanuel Pinheiro com os moradores das duas comunidades. “A gestão Emanuel Pinheiro tem como vocação a humanização, o respeito às pessoas e a dedicação às crianças. Na Educação nossa prioridade é avançar na qualidade do Ensino e na melhoria da infraestrutura das unidades educacionais, trazendo dignidade e respeito àqueles mais precisam dos serviços públicos e, garantindo o direito das crianças a uma educação pública de qualidade e humanizada”, salientou o prefeito Emanuel Pinheiro.
 
Também foram entregues no segundo semestre, as obras do novo Centro Educacional Infantil Cuiabano (CEIC) Rosângela Campos, no bairro Pedregal, com capacidade para atender 120 crianças, do berçário ao Jardim I e II (de 0 a 3 anos e 11 meses). Totalmente climatizado o CEIC Rosângela Campos inaugurou uma novidade nas estruturas de ensino da rede pública municipal, as carteiras e brinquedos adaptados às crianças com deficiência.
 
E ainda as obras das Escolas Municipais de Educação Básica (EMEB) Profª. Gracildes Melo Dantas, no bairro Altos da Glória e Irmã Maria Betty de Souza Pires, no bairro Novo Mato Grosso, duas unidades tradicionais da rede pública municipal de Educação. As duas unidades foram ampliadas, ganharam novos espaços como Laboratório de Informática e Biblioteca, readequação de cozinhas, mobiliário escolar e foram contempladas com o Programa Climatizar é Humanizar.
 
Iniciativa cuiabana
 
Uma iniciativa genuinamente cuiabana, os Centros Educacionais Infantis Cuiabano (CEIC) é um projeto que permite a ampliação da oferta de vagas para crianças de zero a 3 anos e 11 meses, faixa etária onde existe a maior demanda por vaga na rede.
 
De acordo com a secretária interina de Educação, Edilene de Souza Machado, essas novas unidades estão sendo implementadas em estruturas físicas mais adequadas para a execução da proposta pedagógica da Escola Cuiabana.
 
“Os Centros Educacionais Infantis Cuiabano têm sido implantados pela Secretaria de Educação nas estruturas das creches após reforma e ampliação ou construídos em novos espaços físicos, conforme o ciclo de formação humana da primeira e segunda infância, de acordo com os  preceitos da Escola Cuiabana para a Educação Infantil”, explicou a secretária interina Edilene.
 
A rede pública municipal de Educação possui 3 unidades já entregues - os CEICs Silva Freire (Coxipó) e Mariana Fernandes (Dom Aquino), inaugurados em 2019 e o CEIC Rosângela Campos, cujo prédio foi reconstruído e inaugurado durante a pandemia. Mais duas unidades estão em construção, o CEIC Serginho, no bairro Parque Geórgia e o CEIC Delmira, no Pedregal.
 
Trata-se de uma proposta humanizada para os espaços infantis ampliando seu atendimento com foco na concepção da criança cidadã consolidando a Educação Infantil como a primeira etapa para atender a infância. Esses espaços recebem as crianças do Maternal e/ou Berçário, expandindo o atendimento nas unidades que já ofertam o Jardim I e II.
 
“Foi a forma que encontramos para ampliar o número de vagas na Educação Infantil, para atender as mães e os pais trabalhadores, que às vezes não conseguem um emprego porque não têm onde deixar os seu filho. Um feito inédito em todo o país. Com isso, ampliamos no número de vagas e não deixamos as nossas crianças sem os primeiros passos da sua formação, dando oportunidade para que os pais possam trabalhar com dignidade e sustentar a sua família”, ressaltou Emanuel Pinheiro.
 
Balanço positivo
 
Em quatro anos, a gestão Emanuel Pinheiro realizou 63 obras entre construções, grandes reformas com ampliações e revitalizações. O programa, além de possibilitar a ampliação do número de promove a melhoria dos espaços de leitura, lazer, esporte e formação como Bibliotecas e Quadras poliesportivas, influenciando diretamente melhoria na qualidade e na humanização do ensino na Rede Municipal.
 
O programa teve inicio em 2017 e foi gradativamente ampliado ao longo da gestão, com base em estudos das demandas de cada Regional, bem como na elaboração de projetos arquitetônicos, visando as necessidades e prioridades dos espaços educativos.
 
Entre as entregas já planejada em  2021, o prefeito Emanuel Pinheiro deve inaugurar até o aniversário de Cuiabá, em abril, as obras de dois novos Centros Municipais de Educação Infantil, os CMEI dos bairros Aroeira e Altos do Parque, além de pelo menos três novos  CEIC.




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil