Fotografo: Aly Song/Reuters
...
Fechamento aumenta tensão entre EUA e China

O governo dos Estados Unidos ordenou o fechamento imediato do consulado da China em Houston, Texas, em um movimento inesperado e que aumenta as tensões diplomáticas entre os dois países.
 
A ordem de suspender toda e qualquer atividade no consulado foi primeiro denunciada pelo Ministério das Relações Exteriores chinês e, depois, confirmada por uma porta-voz do Departamento de Estado norte-americano.
 
"O fechamento unilateral em um tempo tão curto é uma medida sem precedentes", disse o porta-voz da chancelaria chinesa, Wang Webin. Em uma declaração oficial, o ministério diz que esta é "uma política de provocação unilateral dos EUA que viola seriamente as leis internacionais".
 
O Departamento de Estado dos EUA justificou a medida dizendo que se trata de uma ação para proteger a propriedade intelectual e informações privadas do país.
 
Durante a madrugada, foi registrado um incidente com fogo no consulado chinês em Houston, que teve a intervenção de bombeiros. Durante a cobertura, a mídia local mostrou imagens do que seriam funcionários do consulado queimando documentos. A polícia de Houston disse ao canal local da rede de TV Fox que a queima de documentos estaria ocorrendo por conta da ordem de despejo.