Fotografo: Reprodução/ CanalMT
...
A Constituição aprovada no dia 5 de outubro de 1989, há quase 30 anos, tem em seu texto original 82 emendas

Definidos os nomes dos deputados estaduais que farão parte da Comissão Especial criada para atualizar a Constituição Estadual. Eles têm o prazo de 180 dias, a contar da data de instalação (ainda a ser definida), para elaborar um estudo que culmine na atualização da Carta Magna aprovada em 1989.
 
A Constituição aprovada no dia 5 de outubro de 1989, há quase 30 anos, tem em seu texto original 82 emendas. A última delas foi aprovada no início deste ano. Ela garante 1% da receita corrente líquida no orçamento do Estado anualmente às emendas dos 24 deputados.
 
“Passados 30 anos e 82 emendas no texto original, é chegado o momento de reexaminar o texto constitucional. O principal objetivo da revisão é alterar e atualizar as normas que, com o passar do tempo, se tornaram antiquadas e inadequadas a atual realidade do estado de Mato Grosso”, explicou o 1º secretário, deputado Max Russi (PSB) que foi definido presidente da Comissão Especial.
 
Além de Maxi Russi, os outros quatro deputados titulares da comissão são: Thiago Silva (MDB), Ulysses Moraes (DC), Sebastião Rezende (PSC) e Valdir Barranco (PT). Já os suplentes são Dr. Eugênio (PSB), Dr. João (MDB), Xuxu Dal Molin(PSC), Dr. Gimenez (PV) e  o Delegado Claudinei (PSL).