Fundada aos 14 de abril de 2006 pelo Jornalista Eraldo de Freitas - E-mails: redacao@sbcbrasil.com.br

Cidadão Repórter

(65)9966-5664
Várzea Grande(MT), Sexta-Feira, 01 de Julho de 2022 - 17:46
26/05/2022 as 13:54:11 | Por Assessoria |
Postos Havan vendem gasolina sem imposto para alertar sobre alta carga tributária
O dono Havan, Luciano Hang, enfatiza que o objetivo da ação é alertar o povo do impacto da alta carga tributária brasileira na vida de cada um de nós.
Fotografo: Assessoria
A iniciativa aconteceu nos postos localizados nas cidades de Araranguá, Palhoça, Barra Velha e Brusque (SC).

Nesta quinta-feira, 26, a rede de postos Havan realizou mais uma edição do “Dia do Imposto Zero”, com comercialização de gasolina comum sem incidência de impostos. Na ocasião, o litro do combustível custou R$ 4,99. A iniciativa aconteceu nos postos localizados nas cidades de Araranguá, Palhoça, Barra Velha e Brusque (SC).
 
O dono Havan, Luciano Hang, enfatiza que o objetivo da ação é alertar o povo do impacto da alta carga tributária brasileira na vida de cada um de nós. “Quando me tornei ativista política foi para tentar acabar com a burocracia, que é responsável pelo inchaço da máquina pública e pela nossa carga tributária ser uma das mais altas do mundo. Gastam muito e quem paga essa conta é o povo!”.
 
Como foi o atendimento
 
O público foi atendido por ordem de chegada, a partir das 9 horas. O motorista de ônibus, Reginaldo Neves da Silva, foi o primeiro a ser atendido na filial de Brusque. Ele foi chegou na fila por volta da 1 hora da madrugada. Abasteceu 10 litros no carro e garantiu um pouco de combustível para colocar na moto. “Este tipo de iniciativa ajuda a gente economizar e também é importante para refletirmos sobre o peso dos impostos na nossa vida”.
 
Ao total, os postos Havan comercializaram 20 mil litros de gasolina comum. Para cada filial foram disponibilizados 5 mil litros de combustível, que atenderam 333 clientes em cada cidade, o limite de abastecimento era 15 litros por pessoa. Na fila, os clientes recebiam uma ficha e então, no momento do pagamento tinham o desconto dos tributos. “Na bomba tinha dado R$ 107,85, com o desconto ficou R$ 74,85, é uma diferença que ajuda muito”, avaliou o aposentado, Carlito Sofka, cliente número dois da fila. 
 
O abastecimento seguiu até início da tarde, por volta das 13 horas. O fluxo de carros gerou filas em todos os postos, mas visando dar o máximo de agilidade e fluidez ao atendimento, houve reforço nas equipes de abastecimento, pagamento e orientação aos clientes.




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil