Fotografo: Tchélo Figueiredo - SECOM/MT
...
Governador Mauro Mendes participa e palestra no VI Congresso Estadual de Vereadores

O governador Mauro Mendes apresentou aos vereadores de Mato Grosso o cenário atual do Estado, os resultados e as perspectivas da atual gestão, nesses nove meses de governo, durante palestra na abertura do VI Congresso Estadual de Vereadores, realizado em Cuiabá, nesta terça-feira (01.10). O evento foi organizado pelo presidente da União das Câmaras Municipais de Mato Grosso, Edclay Coelho. 
 
Na avaliação de Mauro Mendes, nesse período o Estado já conquistou bons resultados e se encontra “muito melhor”, do que estava no início de 2019. Para ele, as medidas aprovadas em janeiro foram fundamentais nesse processo.
 
“Quem planta no tempo certo colhe resultados. Vamos terminar o ano de 2019 muito, mas muito melhor do que começamos e os resultados já dizem isso. Eu quero ter a honra de trazer os nossos balanços pessoalmente aos deputados quando eles forem finalizados”, destacou.
 
Mendes acrescentou que novas mudanças positivas ainda devem ocorrer até o final do ano.
“Muitas mudanças ainda terão que ser feitas. E é aí que quero ver a coragem, o respeito e a vocação que essa Casa tem e certamente vai demonstrar ao tomar medidas necessárias para o bem de todos. Precisamos ter paz com a nossa consciência, tomar decisões corretas e plantar coisas boas. Isso vai trazer dividendos para a nossa sociedade”, afirmou.
 
Entre os resultados já positivos da atual gestão, Mauro Mendes enfatizou o trabalho na área da saúde, infraestrutura e educação. De acordo com ele, até o momento mais de 100 obras de infraestrutura que estavam paralisadas foram retomadas, como construção de pontes, pavimentação asfáltica e recuperação de rodovias. Sendo que muitas delas já estão na reta final de conclusão.
 
Com relação à saúde pública, ele destacou o pagamento dos repasses obrigatório do ano de 2019, em que todas as prefeituras, sem nenhum tipo de discriminação, têm recebido os valores em conta, rigorosamente em dia. E na educação, Mauro Mendes frisou as ordens de serviço para a retomada das obras em 50 unidades escolares.
 
“Trabalhando com seriedade, não mentindo para ninguém, dizendo 'não' quando não há condições financeiras, é assim que vamos consertar esse Estado”, ponderou.
 
O governador, que estava acompanhado do secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, e do secretário-chefe de Gabinete de Governo, Alberto Machado, também fez questão de pontuar que “não há milagre nem mágica" na administração pública". "Não entrou o FEX, a receita não dobrou e já conseguimos estabilizar tudo isso, inclusive com a retomada das obras que já citei. Tudo isso com trabalho e seriedade. Se tem dinheiro faz, se não tem segura. O nome do jogo é qualidade do gasto público”.