Fotografo: Arquivo pessoal
...
Vítima foi encontrada morta dentro de casa em São Julião

O suspeito de matar a facadas a companheira Joana Maria de Brito Silva foi preso ao buscar atendimento médico em um hospital no município de Quixeramobim, no estado do Ceará, na tarde dessa segunda-feira (10). Segundo a polícia, Jonatas de Brito Silva estava foragido desde o crime, no dia 4 de junho.
 
De acordo com a delegada Maria Robianne, o suspeito apresentou um ferimento em decorrência da luta corporal que teve com a companheira e precisou de atendimento médico. Ele estava internado no hospital de Quixeramobim, onde foi preso pela Polícia Civil de Fronteiras.
 
"Ele estava foragido desde a data do fato, e partir de agora ficará preso a disposição da justiça até a conclusão do processo", contou a delegada Maria Robianne.
 
O corpo da jovem de 20 anos foi encontrado dentro de casa pela mãe da vítima, na localidade Fujona, Zona rural de São Julião, a 392 km de Teresina. Segundo familiares, Joatan tinha ciúmes da vítima e, por conta disso, frequentemente eles brigavam. O casal tem dois filhos.