Suspeito de matar adolescente durante carona faz buraco na parede de delegacia e foge


Dois policiais que estavam na delegacia no momento da fuga serão ouvidos por delegado

POLÍCIA Publicada: 11/10/2017 18:00:17 Autor: G1MT
Foto: PCMT
Carleandro fugiu na terça-feira (10), mesmo dia em que tinha sido preso pela morte de Alana Ramos, de 15 anos.

 
 
 
O suspeito de ter matado a adolescente Alana Aparecida Ramos de Jesus, de 15 anos, em Terra Nova do Norte, a 648 km de Cuiabá, fugiu na noite de terça-feira (10) da Delegacia de Polícia Civil de Sorriso, a 420 km de Cuiabá. Carleandro da Conceição, de 26 anos, fez um buraco na parede da cela e fugiu.
 
A Polícia Civil informou que no momento da fuga, dois policiais estavam de plantão na delegacia. Segundo a assessoria, o delegado deverá se reunir com eles para investigar como aconteceu a fuga. O caso poderá ser encaminhado para a Corregedoria da Polícia Civil.
 
Carleandro estava com a prisão decretada e foi localizado após investigação policial. Ele deu um nome falso aos policiais, mas confessou o crime.
 
Segundo os policiais civis, Carleandro estava escondido no Distrito Entre Rios, em Nova Ubiratã, a 506 km de Cuiabá. Ao ser abordado, ele disse que se chamava Orlando. No entanto, ao ver que os investigadores estavam com um mandado de prisão contra ele, confessou que havia matado Alana.
 
O crime
Carleandro foi visto saindo de um bar e pegando carona com Alana um dia antes do desaparecimento dela e teria cometido o crime para roubar o carro da vítima. O corpo da adolescente foi encontrado com marcas de facadas em um matagal.
 
Ela desapareceu no dia 11 de abril, quando saiu da cidade rumo a Sinop, a 503 km de Cuiabá, com a intenção de vender um carro, segundo a família. O boletim de ocorrência do desaparecimento foi registrado no dia seguinte.
 
Veja também
 

Comentários

Comente está notícia:

Entrar na Rede SBC Brasil