Fotografo: Clive Brunskill/Getty Images
...
Rafael Nadal morde o troféu conquistado na final do US Open

 
 
 
No que talvez tenha sido uma de suas finais mais tranquilas em Grand Slams em sua carreira, o espanhol Rafael Nadal conquistou neste domingo pela terceira vez na carreira o título do US Open. O líder do ranking mundial no tênis não teve dificuldades para vencer o sul-africano Kevin Anderson (32º do mundo) por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/3 e 6/4.
 
Já um veterano das quadras, Anderson classificou-se tardiamente à sua primeira decisão de um Grand Slam, e chegou à partida contra Nadal com somente três títulos no circuito da ATP na bagagem, e todos eles de pequena expressão.
 
O espanhol, por sua vez, alcançou a final disputada no estádio Arthur Ashe, no complexo esportivo de Flushing Meadows, como o favorito.
 
E, como muitos fãs do esporte imaginavam, Nadal conquistou seu 16º título em Grand Slams na carreira – atrás apenas de Roger Federer, com 19. O tenista de 31 anos não foi ameaçado por Anderson, confirmou todos os seus saques e fechou a partida após 2h27.
 
Com o resultado, Nadal repetiu sua performance em Nova York nos anos de 2010 e 2013, quando saiu do US Open com a taça. O espanhol chegou a 74 títulos no circuito da ATP.