Fotografo: PM/MT
...
Portaria estabelece regras e orientações aos policiais militares durante pandemia do coronavírus

Uma portaria da Polícia Militar publicada nessa quinta-feira (19) estabelece a suspensão das férias dos policiais e os orienta a cumprimentarem os colegas de trabalho e a população externa apenas com continência ou por meio de expressões como ‘bom dia’ e ‘boa tarde’, sem aperto de mãos.
 
As regras, conforme a portaria, devem ser cumpridas durante o período de pandemia do coronavírus.
 
Também foi orientado aos militares que sigam as orientações do Ministério da Saúde quanto a higienação. Os policiais devem, assim como a população em geral, lavar as mãos com água e sabão e usar álcool em gel 70%, sempre que possível.
 
Durante o período de vigência da portaria, fica estabelecido que os policiais poderão ser, a qualquer momento, convocados e resignados independentemente da atividade exercida.
 
Com isso, segundo a PM, os militares devem estar em estreita ligação com os superiores e em condições de poderem recolher-se imediatamente ao quartel, em caso de ordem ou qualquer eventualidade.
 
Todos os eventos da instituição foram suspensos por tempo indeterminado. São eles: cursos, instruções, seminários, congressos, workshop, treinamentos, formaturas, reintegrações de posse, projetos sociais, atividades físicas praticadas de forma coletiva, funcionamento das academias de musculação/ginástica, entre outros.
 
Casos
 
Mato Grosso registrou o primeiro caso confirmado de coronavírus. A confirmação ocorreu na noite dessa quinta-feira (19.03), após o Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) testar nova análise de um dos casos localizados em Cuiabá.
 
No momento, o paciente apresenta quadro estável de saúde e encontra-se em isolamento domiciliar. As recomendações seguirão o protocolo já estabelecido desde o início do monitoramento do paciente.
 
Ainda nessa quinta-feira (19), a SES divulgou a notificação de 59 casos suspeitos de coronavírus em Mato Grosso.
 
Medidas anunciadas pelo Governo de MT
 
Saúde
 
Credenciamento para contratação emergencial de profissionais da saúde;
 
Em hospitais públicos e privados, fica restrito a um acompanhante por paciente internado, por tempo indeterminado;
 
Suspensão de agendamentos de cirurgias eletivas em hospitais estaduais;
 
Definido o médico infectologista e intensivista Dr. Abdon Salam Khaled Karhawl, para atuar como colaborador do Gabinete de Situação
 
Transporte
 
Ficam autorizadas às concessionárias e permissionárias a suspender o transporte coletivo intermunicipal no âmbito do Estado de Mato Grosso;
 
As concessionárias e permissionárias de serviço público de transporte coletivo municipal e estadual deverão adotar todas as medidas de assepsia no interior dos veículos, de acordo com as normas sanitárias vigentes, cabendo aos órgãos regulatórios estaduais e municipais executar a fiscalização;
 
Serviço público
 
Servidores públicos em grupos de risco poderão ter regime especial de trabalho, definido em portaria a ser editada pela Secretaria de Planejamento e Gestão, desde que previamente autorizado pelo Gabinete de Situação;
 
Reuniões na administração pública estadual serão suspensas e substituídas por videoconferência;
 
Servidores com casos suspeitos ou confirmados deverão permanecer afastados do trabalho;
 
Ficam permitidos os sistemas de escala, revezamento e teletrabalho na administração pública, mediante prévia autorização do Gabinete de Situação.
 
Fica autorizada a redução ou suspensão do atendimento ao público nos órgãos estaduais, desde que previamente autorizado pelo Gabinete de Situação.
 
Eventos e aglomerações
 
Fica recomendada ao setor privado a suspensão de eventos que concentrem mais de 50 pessoas em ambientes fechados e mais de 100 em ambientes abertos, a exemplo de atividades em feiras, academias, cinemas, clubes, missas, bares, restaurantes e boates.
 
Sistema penitenciário
 
Visitas em todas as cadeias, unidades e socioeducativos ao Estado de Mato Grosso ficam suspensas por 15 dias, podendo ser prorrogadas. (G1)