Fundada aos 14 de abril de 2006 pelo Jornalista Eraldo de Freitas - E-mails: redacao@sbcbrasil.com.br

Cidadão Repórter

(65)9966-5664
Várzea Grande(MT), Sexta-Feira, 22 de Outubro de 2021 - 03:15
28/09/2021 as 08:55:35 | Por Maricelle Lima Vieira | 253
Placa ‘Aqui tem Empaer’ auxilia agricultores a divulgarem seus produtos na Região Norte
Os técnicos também auxiliam na criação de marcas, tipos de embalagens e publicação de rótulos e código de barra
Fotografo: Empaer-MT
A placa é padronizada e mede 60x40 centímetros e o custo da produção é do agricultor

Com dificuldade em divulgar seus produtos, um grupo de pequenos agricultores pediu ajuda a técnicos da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) que encontraram a solução nas placas de identificação fixadas na entrada das propriedades.
 
Com quase um ano em pratica, a iniciativa ‘Aqui tem Empaer’ já atendeu 32 produtores de Sinop (a 500 km de Cuiabá) que buscavam uma forma de associar a sua propriedade com a produção. A medida deu tão certo que família como da senhora Inácia Corrêa que produz hortaliça, frutas e legumes, ajudou muito na venda dos produtos. “Era muito difícil ser visto. Com o apoio da Empaer as pessoas sabem o que produzimos e as portas se abriram”, frisa ela.
 
Na placa vai o nome da propriedade, os responsáveis e o tipo de produto comercializado. Exemplo do senhor José Genivaldo produtor de leite. Na sua placa vai à figura de uma vaca facilitando a identificação.
 
“Com a placa as pessoas não saem mais de propriedade em propriedade perguntando. Logo na porteira já sabe do que se trata. Otimiza tempo e o acesso dos clientes. A Empaer sempre nos auxiliando com medidas simples e de baixo custo”.
 
A placa é padronizada e mede 60x40 centímetros e o custo da produção é do agricultor. O engenheiro agrônomo da Empaer, o Thiago Tombini explica a importância da iniciativa que tem como diferencial o acompanhamento e a assistência técnica junto aos produtores. “Muitos reclamavam que poucas pessoas conheciam o que produziam por venderem direto na sua propriedade. Pessoas com qualquer tipo de locomoção visualiza o que o agricultor produz. Pensamos na comodidade e o acesso de compradores a um custo acessível”.
 
 
A placa é padronizada e mede 60x40 centímetros e o custo da produção é do agricultor Foto: Empaer 
 
 
 
Mais facilidade
 
Associado as placas, outros serviços muito requisitados pelos agricultores da região norte, são a produção de marcas, tipos de embalagens, informações nutricionais e o código de barra nas embalagens.
 
A nutricionista da Empaer Sinop, Daisy Cristina Boter Ferraz   destaca que cada cidade tem sua legislação e os critérios junto ao serviço da vigilância sanitária. Cita como exemplo a cidade de Lucas do Rio Verde que exige o rótulo com a identificação e informação nutricional de qualquer  produto comercializado em feiras e supermercados, seguindo as diretrizes de legislações sanitárias estadual e federal.
 
Outro exemplo é uma produtora de geleia e compota em que a presença de um rótulo é importante para o seu produto ter as informações necessárias na embalagem. “Um comprador vê uma geleia amarela que pode ser de infinitos alimentos desta cor. Colocando o rótulo conseguimos identificar de qual fruta é a geleia, além dos demais ingredientes que compõem o produto, evitando confusões para o consumidor, além da produtora conseguir divulgar o seu contato”, ressalta Daisy.
 
Outra demanda é o registro de uma marca que precisa ser registrada no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi). Exemplo de um produtor de Cotriguaçu que solicitou o serviço e todo processo foi encaminhado e aguarda aprovação. Caso não haja contestação em 60 dias, o processo terá seguimento até a obtenção final da marca.
 
Tem ainda a certificação do código de barra realizado junto a uma empresa certificadora. Todos estes trabalhos saem a um valor mais acessível ao agricultor familiar, sendo um diferencial diante das opções de serviços especializados que existem à disposição “Estamos sempre à disposição para orientar e ser uma referência que facilite para o pequeno produtor rural”.
 
 
 
(Empaer-MT, Maricelle Lima Vieira)




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil