Fotografo: Feliphe Aires/ PM
...
Nesta data também comemora-se o Dia do Policial Civil e Militar

 
 
 
No Dia de Tiradentes, patrono das polícias do Brasil, a data foi marcada por uma solenidade na Academia Policial Militar do Guatupê (APMG), em São José dos Pinhais (PR). No evento, nesta sexta-feira (21), aconteceu a tradicional entrega do Espadim Tiradentes aos 102 cadetes do 1º ano do Curso de Formação de Oficiais e da Medalha Mérito de Ensino a professores e instrutores da instituição.
 
Nesta data também comemora-se o Dia do Policial Civil e Militar. Participaram autoridades civis e militares, oficiais e praças da corporação, além de integrantes de outras instituições e convidados dos cadetes.
 
“Tiradentes, além do exemplo cívico que representa para nossa história, é o Patrono das Polícias Civil e Militar. É importante cultuar a memória dele e usá-lo como exemplo para aqueles que estão ingressando como profissionais de segurança pública, ainda mais na APMG, que tem como missão cultuar valores”, disse o secretário da Segurança Pública e Administração Penitenciária, Wagner Mesquita.
 
O comandante-geral da PM, coronel Maurício Tortato, destacou a importância de unir dois momentos importantes para a corporação – a homenagem ao inconfidente e a entrega do Espadim aos cadetes.
 
“Tiradentes entregou sua vida pela causa brasileira, razão pela qual é considerado, na condição de policial militar e de alferes, o Patrono das polícias do Brasil. Cultuamos as nossas tradições e o exemplo dele para que possamos valorizar a nossa história, para viver o presente e projetar o futuro,” afirmou o coronel Tortato.
 
Neste ano, pela primeira vez, a cerimônia foi realizada na APMG – anteriormente acontecia na Praça Tiradentes, no Centro de Curitiba. “Foi um sonho realizado de vários comandantes da Polícia Militar trazer esta solenidade para dentro desta casa de ensino. Este evento culminou com a entrega do Espadim aos cadetes, mais uma homenagem ao nosso Patrono”, disse o comandante da Academia de Policial Militar do Guatupê, tenente-coronel Mauro Celso Monteiro.
 
A solenidade teve início com a alvorada festiva em homenagem a Tiradentes e depois foi inaugurado um busto dele, que foi doado pelas potências maçônicas Grande Oriente do Brasil, Grande Loja do Paraná e Grande Oriente do Paraná.
 
ESPADIM – Na cerimônia foram apresentados os novos 102 cadetes (91 policiais e 11 bombeiros), que no ano passado ingressaram na Escola de Oficiais da APMG, no 1º ano do Curso de Formação de Oficiais (CFO).
 
O cadete Henrique Pilz Tschoeke disse é uma grande satisfação comemorar a data. “Foram mais de 200 horas de treino para este evento. No momento em que recebi o Espadim foi uma emoção indescritível. Minha expectativa é seguir no curso com mais uma fase vencida”.
 
“Para mim é a realização de um sonho pelo qual batalhei muito. Eu me espelho em meus parentes militares, principalmente no meu pai, e me sinto muito feliz hoje com esta conquista, afirma o cadete Carlos Henrique Assunção.
 
Ele é Henrique é sobrinho do tenente-coronel Carlos Eduardo Rodrigues Assunção e filho do major Carlos Alberto Assunção. “Me sinto muito orgulhoso e feliz por ele seguir meus passos, sabemos como é difícil ingressar na escola de oficiais. É um grande sonho que está se realizando hoje”, destaca o pai do cadete.
 
Quem também segue o caminho de familiares é Thaisa Caroline Nabozny Rodrigues, sobrinha dos oficiais capitão Solange Nabozny Tedeschi e do tenente-coronel Valdir Tedeschi. “É uma emoção que nem consigo descrever, pois foi por tanto tempo esperada esta oportunidade, um sonho de criança. Estar aqui, receber o espadim e ver a família orgulhosa não tem preço. Espero que eu possa alcançar objetivos dentro da Polícia Militar e cumprir o que esperam de mim”, disse Thaysa.
 
MEDALHA - Durante o evento, também foi entregue a Medalha Mérito de Ensino aos professores e instrutores da APMG, militares e civis que atuam nos núcleos de ensino da PM em todo o Estado, como forma de gratidão e reconhecimento pelo empenho e dedicação à instituição.
 
Participaram do evento o comandante da 5ª Região Militar, respondendo pelo Comando da Artilharia Divisionária da 5º Divisão de Exército, General de Brigada Aléssio Oliveira da Silva; o Procurador da República, Alessandro José Fernandes de Oliveira; o vice-presidente e diretor administrativo do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), Orlando Pessuti; o subcomandante-geral da PM, coronel Arildo Luis Dias; o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Juceli Simiano Júnior, e demais autoridades.
 
Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária