Fotografo: Miriam Zomer/Agência AL
...
Alesc fez sessão solene para homenagear o município do Planalto Norte, que faz 100 anos nesta terça (5); na foto, prefeito Eliseu Mibach recebe placa

 
 
 
O ano de 2017 marca o centenário do município de Porto União, no Planalto Norte. Para celebrar a data, a Assembleia Legislativa de Santa Catarina realizou na noite desta segunda-feira (4) uma sessão solene no Clube 25 de julho. Proposta pela Mesa da Casa e aprovada por unanimidade pelos deputados, a solenidade reuniu parlamentares, autoridades, representantes de entidades e moradores do munícipio.
 
Conduzida pelo presidente do Legislativo, deputado Silvio Dreveck (PP), a abertura do evento foi marcada pela apresentação de um vídeo institucional pontuando as conquistas de Porto União, desde a sua fundação, em 5 de setembro de 1917. Entre os feitos, destaque para o legado de amor e prosperidade deixado pelos primeiros imigrantes.
 
Considerando a solenidade uma forma simbólica de reconhecer todo o trabalho e conquistas de Porto União ao longo dos anos, Dreveck ressaltou a importância de valorizar cada contribuição oriunda de um cidadão ou entidade. “Esse é um registro importante, onde a Assembleia se faz presente não apenas para reconhecer, mas para mostrar que o Parlamento olha por Porto União. Buscamos trazer boas notícias, para um munícipio que futuramente será agraciado com obras e realizações e recursos”, frisou.
 
Proponente do evento, o deputado Darci de Matos (PSD) aproveitou a oportunidade para manifestar o bom momento que o munícipio vive, fruto, segundo ele, de muito trabalho e dedicação. “Estamos aqui para parabenizar o desenvolvimento da cidade e acima de tudo zelar para que a região possa continuar crescendo e oferecendo aos seus moradores cada vez mais oportunidade de prosperar, almejando mais qualidade de vida”, comentou.
 
Na condição de anfitrião e representando a sociedade porto-unionense, o prefeito Eliseu Mibach (PSDB) agradeceu o reconhecimento do Poder Legislativo em homenagear 19 entidades e personalidades de Porto União pelo trabalho e dedicação em prol do desenvolvimento do munícipio. Considerando a cidade acolhedora e amiga, como é conhecida, o prefeito destaca que as festas típicas preservaram a gastronomia local; já a arquitetura conservou a identidade dos imigrantes.
 
Os deputados Antonio Aguiar (PMDB), Dalmo Claro (PSD), Milton Hobus (PSD) também prestigiaram o evento. De acordo com os parlamentares o centenário representa o esforço de uma cidade empreenderora, que a cada ano busca novas conquistas.
 
Surgimento
Porto União nasceu em 1917, como consequência da Guerra do Contestado e do acordo de divisas entre Paraná e Santa Catarina. Entretanto, sua história começa em 1842, com a descoberta do Vau do Rio Iguaçu, para a passagem das tropas que vinham dos campos de Palmas. Esse era também o ponto de embarque e desembarque para quem usava o Rio Iguaçu como via de transporte, daí o primeiro nome: Porto da União.
 
Em 1855, tem a denominação alterada para Porto União da Vitória. Em 1882, tem início a navegação a vapor no Rio Iguaçu, com o transporte de carga e de passageiros. A partir de 1886, chegam os primeiros colonos de origem europeia, na maioria alemães, e mais tarde aportaram outras etnias: poloneses, ucranianos, austríacos, italianos, suíços, russos e libaneses.
 
A região se desenvolve e, em 1901, é criado o município de União da Vitória. Em 1905, a Ferrovia São Paulo – Rio Grande chega até a cidade, trazendo um ciclo de grande desenvolvimento econômico. Em 1912, iniciam-se os conflitos do Contestado, fazendo da cidade ponto estratégico de desembarque das tropas vindas pela Estrada de Ferro São Paulo - Rio Grande e entreposto da Campanha do Contestado. Em 5 de setembro de 1917 é criado, do lado catarinense, o município de Porto União, que, a partir daí, integra-se com a parte da cidade que ficou do lado paranaense: União da Vitória. As cidades passam, então, a ser conhecidas como as Gêmeas do Iguaçu.
 
Homenageados
Prefeito – Eliseu Mibach Senhor Alfredo Koch
5° Batalhão de Engenharia de Combate Blindado – Coronel João Batista de Souza Sá Neto
Polícia Militar - Major Silvano Sasinski
Corpo de Bombeiro Militar de Porto União - Tenente Jorge Adriano Machado Gomes
Diretora da Escola de Educação Básica Professor Balduino Cardoso – Alice Vogel
Diretora do Colégio Santos Anjos – Irmã Ilaria Matte
Presidente Nacional da Rede Feminina de Combate ao Câncer – Geógia Schwegler
Senhora Marta Urban Sott
Senhor Leocir Aloísio Weber
Senhor Carlos Alberto Jung
Diretor do Jornal “O Comércio” – Carlos Henrique Agustine
Diretor Jornalístico da “Rádio Colmeia” – Gerson Coas
Senhor Luciano Augusto Berejuk
Senhor Edson Gruber
Senhor Rogério de Lara
Presidente do Hospital São Braz – Fioravante Buch Neto
Senhor Antônio Xavier Paes
Senhora Maria Nossanik