Fotografo: Assessoria/TCE-MT
...
MTI é parceiro do TCE na implantação de novo sistema Radar de Controle Público

Em uma parceria com a Empresa Mato-grossense de Tecnologia da informação (MTI), o Tribunal de Contas do Estado (TCE) lançou nesta sexta-feira (27.09) a nova versão do sistema Radar de Controle Público. Nesta versão, já disponível para acesso, o Radar apresenta um módulo de compras públicas com o maior banco de preços públicos de Mato Grosso.
 
A entrega da nova versão do sistema foi possível graças à parceria com a MTI, que designou profissionais de TI para o desenvolvimento do sistema, que existe desde 2017 e foi aperfeiçoado com a nova tecnologia que é a plataforma Qlik Sense, de análise de dados.
 
Para o vice-presidente da MTI, Cleberson Gomes, contribuir com o desenvolvimento de tão importante projeto para o TCE, por meio de sua equipe técnica capacitada e com expertise tecnológica, faz parte uma das metas que a MTI tem tentado alcançar - que é se tornar o principal provedor de tecnologia dos órgãos da administração pública de Mato Grosso.
 
“Nosso principal intuito é ser esse novo provedor de tecnologia para resolver os negócios de diversos órgãos dentro do Estado. Tentamos enxergar quais os problemas que os órgãos têm em suas várias áreas e levar tecnologia para resolver estes problemas. E aqui no TCE não é diferente. Ficamos muito satisfeitos em contribuir para que o tribunal possa fazer um melhor controle externo e oferte essa melhoria ao cidadão“, disse.
 
A nova versão do sistema Radar de Controle Público reúne todas as licitações encaminhadas ao TCE em um único banco de dados, que permite ao usuário navegar e realizar diversas consultas, além de ter acesso a estáticas e análises acerca das compras públicas efetuadas por todos órgãos municipais e estaduais de Mato Grosso.
 
O sistema pode ser acessado por qualquer cidadão e tem como objetivo promover a cidadania, transparência e contribuir com a fiscalização. Além disso, busca auxiliar os gestores públicos nas aquisições, uma vez que oferece especificações e um banco de preços públicos que potencializará a realização de compras mais econômicas e eficientes por parte dos órgãos públicos, de acordo com o presidente do TCE, conselheiro Domingos Campos Neto.
 
Vice-presidente Cleberson Gomes participa de lançamento da nova versão do sistema Radar 
 
O conselheiro também reconheceu a importância do apoio da MTI e afirmou que investimento em tecnologia é uma lição básica para gestor público moderno, que é comprometido com resultados e que busca ter mais eficiência.  
 
“Essa ferramenta é fruto da dedicação de uma equipe técnica competente. Gostaria também de destacar que esse projeto contou com a importante parceria da MTI, que se disponibilizou para nos ajudar nesse projeto e que está produzindo excelentes resultados ao TCE”, afirmou.
 
A previsão é de que outros módulos do sistema, criados por meio de áreas temáticas, sejam entregues à população até o próximo mês de novembro. Entre eles, os módulos com informações de saúde, educação, receita, despesa, pessoal e obras, informou o secretário-geral de Controle Externo do TCE, Volmar Bucco Júnior.
 
“A parceria com a MTI, para nós, é fundamental.  Nós temos programado novos módulos até o final do ano. Estamos muitos satisfeitos, os resultados já começaram a vir. É uma ferramenta que toda sociedade utiliza, os gestores públicos e serve para o controle social, o controle interno e para a fiscalização do TCE”, afirmou.