Fotografo: Reprodução Facebook
...
Médico Rogério Alonso Campuzano

Um médico identificado como Rogério Alonso Campuzano, foi baleado pelo menos três vezes enquanto deixava o hospital onde trabalha na cidade de Tabatinga, no interior do Amazonas, nesse domingo (12).
 
A namorada, que estava com ele no momento do atentado, também foi atingida. O crime aconteceu por volta das 19h, quando ele se preparava para voltar para casa.
 
Na saída do hospital, um homem apareceu e disparou várias vezes contra ele, dois tiros acertaram a cabeça dele e outro o ombro. A namorada pegou um disparou de raspão no braço.
 
Rogério recebeu o primeiro atendimento ainda na UPA, depois foi transferido para o hospital do Exército que fica na cidade. Apesar da gravidade dos ferimentos, amigos informaram que o estado de saúde dele é estável. A polícia ainda não conseguiu prender o atirador.