Fotografo: Solon Soares/Agência AL
...
Deputada Luciane Carminatti

 
 
 
“Como não poderia deixar de ser, hoje o meu coração está em Chapecó, que vive um dia histórico”. Assim, a deputada estadual Luciane Carminatti iniciou seu pronunciamento na Assembleia Legislativa na tarde desta terça-feira (04), dia em que, horas mais tarde, a Chapecoense e o Atlético Nacional realizaram um jogo histórico na Arena Condá, em Chapecó.
 
 
 
Vestindo a camisa do clube de Chapecó, a deputada destacou a importância do jogo na reconstrução da cidade e do time quatro meses após o acidente aéreo que vitimou 71 pessoas, entre jogadores, membros da comissão técnica, dirigentes e profissionais da imprensa. Luciane também enalteceu a grandeza e a solidariedade do Atlético Nacional de Medellín (que desde o primeiro momento se manifestou favorável à declaração da Chapecoense como campeã da Copa Sul-Americana) e também do povo colombiano, a quem se referiu como “nossos irmãos”.
 
“O sonho de muitas pessoas queridas foi interrompido nas montanhas dos arredores de Medellín. Naqueles dias difíceis de aceitar e extremamente dolorosos, o povo colombiano nos ensinou lições de grandeza, solidariedade e união entre os povos, muito além do futebol. No dia seguinte à tragédia, no horário previsto para o primeiro jogo da grande final da Copa Sul-Americana , mais de 80 mil colombianos lotaram o estádio e as ruas de Medellín, cantando a música que surgiu para afagar os nossos corações: ‘Que se escute em todo o continente, sempre recordaremos a campeã Chapecoense’”, lembrou a parlamentar.
 
A deputada, que também integra o Conselho Consultivo da Chapecoense, relembrou o legado de simplicidade e humildade deixado pela equipe e diretoria, uma marca que tornou a Chapecoense um time querido em todo o Brasil. “Esta noite, além de reunir os dois grandes campeões do continente, é também momento de agradecer a grandeza do povo colombiano, homenagear os que se foram e abraçar com muito carinho os seus familiares. É um dia histórico, em que deve prevalecer a bondade, a união e a esperança”, declarou Luciane.