Fotografo: Reuters/"La Vie a Trèbes"
...
Ministro do Interior se dirigiu imediatamente ao local, e 50 policiais foram deslocados para operação

 
 
 
Um homem não identificado fez reféns em um supermercado na cidade de Trèbes, no sudoeste da França. Duas pessoas morreram, segundo a agência de notícias AFP. Uma troca de tiros foi reportada, e o ministro do Interior do país se dirigiu imediatamente ao local.
 
O prefeito da localidade, Éric Menassi, reportou duas "vítimas" a uma rede de TV. Ele também disse que apenas um policial e o atirador estariam no mercado no momento, com todos os refens já removidos, mas a informação não foi confirmada oficialmente.
 
De acordo com um agente de segurança ouvido pela AFP, o homem alegou pertencer ao Estado Islâmico. A procuradoria antiterrorista acompanha o caso.
 
Segundo a rede BFM TV, o suspeito entrou no estabelecimento da rede Super U por volta das 11h no horário local (7h em Brasília). O jornal "Le Parisien" informa que o homem teria atirado em um policial antes de se abrigar no local.
 
A rádio Europe1 informa que 50 agentes e três helicópteros foram mobilizados para a ação.
 
Trèbes é uma pequena comunidade próxima à cidade medieval de Carcassone, no departamento de Aude.
(G1)