Fotografo: Divulgação
...
Diretor da empresa, o jornalista Eraldo de Freitas

A “GPEC Brasil” - empresa de pesquisas cientifica nos ramos Político, mercadológica, econômica, religiosas e censitárias, com sede em Várzea Grande (MT), realizará a partir desta próxima semana uma rodada de pesquisas para consumo interno em toda “Baixada Cuiabana”.
 
Segundo o diretor da empresa, o jornalista Eraldo de Freitas, a finalidade das pesquisas serão para uso noticioso e informativo da Rede SBC Notícias, as quais, também atenderão políticos da sua Carteira de clientes como presidente de partidos e aqueles que já estão ensaiando disputas aos cargos legislativos e ao executivo o ano que vem (2016).
 
A empresa de inicio vai gerar trabalhos para 50 jovens na faixa etária de 18 a 35 anos.
“A GPEC Brasil é uma empresa que atua neste mercado desde 1989 em Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Bahia, Minas Gerais e Goiás. Sempre pautamos nossos trabalhos, mais precisamente para investigativas utilizadas no consumo interno. Hoje temos clientes vitoriosos em vários estados, pelo fato de vários partidos políticos que trabalharam com nossos dados, terem sidos vitoriosos com pouco barulho e menos gastos nas suas campanhas, apenas, orientamos que façam uso dos números apontados de forma silenciosa, atacando de forma estratégica tudo àquilo que os levantamentos sugerem”, disse o diretor.
 
“Em quanto os concorrentes dos nossos clientes, se preocupam com pesquisas para serem tornadas públicas, preocupamos com dados fundamentais, tecnológicos com mais precisão e eficácias científicas; Nossos números são trabalhados e utilizados como verdadeiras ‘vacinas’ para reverter situações, que causa a queda de popularidade do líder político. Eles detectam e norteiam as deficiências em cada setor e camada social para serem corrigidas de forma silenciosa”, explica.
 
No decorrer desta semana vamos trazer mais informações sobre questões interessantes detectadas por estas pesquisas na Baixada Cuiabana.