Fotografo: Mayke Toscano/Secom-MT
...
Palácio Paiaguás

O Governo de Mato Grosso prorrogou até o dia 30 de setembro o decreto que estabelece estado de calamidade no âmbito da administração estadual. A medida considerou o agravamento da pandemia do coronavírus e de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave no Estado.
 
O Decreto nº 523/2020 foi publicado no Diário Oficial do Estado que circula nesta quarta-feira (17.06), com efeito retroativo ao dia 14 de junho (domingo).
 
“Ainda não há previsão de quando a pandemia vai desacelerar em Mato Grosso e no Brasil. Por isso, estamos prorrogando o estado de calamidade para que possamos continuar a tomar todas as providências necessárias e, assim, frear o avanço do coronavírus e resguardar a vida e a saúde da população”, afirmou o governador Mauro Mendes.
 
O documento pode ser prorrogado, ou mesmo antecipado, dependendo da necessidade, uma vez que leva em consideração os impactos socioeconômicos e financeiros causados pela pandemia.
 
 
 
 
 
Carol Sanford | Secom-MT