Fundada aos 14 de abril de 2006 pelo Jornalista Eraldo de Freitas - E-mails: redacao@sbcbrasil.com.br

Cidadão Repórter

(65)9966-5664
Várzea Grande(MT), Sexta-Feira, 22 de Outubro de 2021 - 03:57
07/10/2021 as 05:43:38 | Por Viviane Moura | 191
FCO oferta mais de R$ 409 milhões em crédito nas modalidades rural e empresarial
Todas as cartas-consulta aprovadas vão ser responsáveis pela geração de 3.136 empregos no Estado
Fotografo: Christiano Antonucci/ Secom-MT
O montante foi deferido nesta quarta-feira (06.10), durante a 10ª reunião extraordinária.

O Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Codem), composto pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec-MT) e parceiros, aprovou R$ 409,7 milhões em linhas de crédito do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro Oeste (FCO) para produtores rurais e empresários investirem no Estado. O montante foi deferido nesta quarta-feira (06.10), durante a 10ª reunião extraordinária.
 
No total foram aprovadas 109 cartas-consulta de ambas as modalidades e autorizadas cinco revalidações de contrato. No FCO Rural foram validados 89 projetos que somaram mais de R$ 280,2 milhões de crédito, recursos que vão gerar 1.021 empregos diretos e indiretos. Dentre as aprovações estão 27 projetos para pequenos produtores, 25 para pequenos-médios produtores, 34 médios-produtores e 3 para grandes produtores.
 
O FCO Empresarial teve 20 projetos deferidos e terá recursos liberados na ordem de R$ 129,5 milhões, o que irá resultar 2.115 empregos diretos e indiretos, em Mato Grosso. Neste caso, entre os contemplados pelo programa estão pequenas empresas, com 5 projetos aprovados, pequenas-médias empresas, com 7 cartas liberadas, médias empresas, com 6 e grande empresas com 2 cartas.
 
Conforme o secretário de Desenvolvimento Econômico e presidente do Conselho, César Miranda, os recursos do Fundo vão possibilitar aplicação de mais capital no meios rural e empresarial.
 
“Com a injeção de mais crédito será possível promover desenvolvimento em diferentes regiões do Estado, estimulando a criação de novos postos de trabalho e contribuindo para ampliação da renda no Estado. Essa é uma determinação do governador Mauro Mendes, que mais produtores e empresários tenham acesso ao crédito e consigam investir em suas atividades, fortalecendo a economia mato-grossense”, define Miranda.
 
Alcance
 
Os recursos do FCO têm sido distribuídos em todas as regiões do Estado, dos 141 municípios mato-grossenses, 134 já foram atendidos pelo Fundo, ou seja, 95% das cidades do Estado foram beneficiadas com as contratações, de acordo com dados do caderno de informações gerenciais do Condel/Sudeco referente ao mês de agosto deste ano. As informações são publicadas bimestralmente.
 
 
 
(Sedec-MT, Viviane Moura)




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil