Fotografo: Reprodução/rede social
...
Adolescentes que fugiram de Santo Antônio de Pádua são encontrados em Campo Grande, no Rio

O casal de adolescentes de Santo Antônio de Pádua, no Noroeste Fluminense, que havia desaparecido, foi encontrado na madrugada desta sexta-feira (7) em Campo Grande, no Rio de Janeiro.
 
Lorenna de Vita Lima, de 16 anos, e Gabriel Meira Moretto, de 15, eram procurados desde a manhã do dia 31 de maio.
 
Segundo o delegado titular da 136ª Delegacia de Polícia, Vilson de Almeida, uma cabeleireira do bairro fez contato com o pai da adolescente depois de saber que eles eram procurados pela família.
 
A mãe da Lorenna, Dayane Lima, disse que depois do contato informando o paradeiro dos adolescentes, a filha ligou para o celular dela e falou onde ela e Gabriel estavam.
 
O pai de Gabriel, Arnaldo Moretto, revelou o alívio de ter o filho novamente em casa e bem, após uma semana de tensão.
 
"Vivo um momento de felicidade porque tinham arrancado um pedaço de mim, e agora posso dormir tranquilo", disse Arnaldo.
Gabriel disse que depois que viu como estava grande a mobilização pela procura dos dois, ele ficou preocupado, mas que o medo de voltar pra casa era muito maior. Segundo o adolescente, eles apenas queriam viver uma aventura e não avisaram aos seus pais por medo de serem impedidos.
 
De acordo com o pai da Lorenna, Ricardo de Vita, os adolescentes estão bem e em casa.
 
Os pais de Lorenna e o pai de Gabriel foram de carro a Campo Grande. Eles chegaram em Santo Antônio de Pádua na manhã desta sexta.
 
O desaparecimento
 
Segundo a Polícia Civil, um tio de Gabriel disse à polícia que emprestou R$ 700 para o sobrinho e que segundo o adolescente, o dinheiro seria usado para Lorenna fazer um exame de gravidez.
 
Ainda de acordo com a Civil, o tio também contou que o avô de Gabriel havia dado a quantia de R$ mil ao neto, três semanas antes do desaparecimento.
 
As famílias de Lorenna e Gabriel informaram que ela não está grávida.