Fotografo: 72.RU/EAST2WEST NEWS
...
Uma jovem de 23 anos é acusada de matar um bebê de seis meses

Uma jovem de 23 anos é acusada de matar um bebê de seis meses após o meio-irmão da criança pedir para terminar o relacionamento.
 
Além de manter um relacionamento amoroso com o irmão do bebê, Viktoria Aimetdinova também trabalhava como babá da criança. 
 
De acordo com a polícia russa, Viktoria matou o bebê Bogdan estrangulado após o levar para uma floresta da cidade de Zavodoukovsk.
 
Na ocasião, ela trabalhava como babá na casa da família, que havia a deixado sozinha com Bogdan para ir a um funeral. 
 
Logo depois dos pais da criança retornarem para casa e notarem o desaparecimento do filho, a polícia foi acionada e uma busca frenética pelo bebê foi iniciada.
 
Horas depois, a babá foi encontrada carregando o cadáver de Bogdan na floresta, e um vídeo mostra ela algemada logo depois de ser detida pelos policiais. 
 
De acordo com o  Comitê de Investigação da Rússia, uma investigação criminal está em andamento sobre o sequestro e assassinato da criança. A mãe do menino, Natalya Gafner, afirmou que confiava na babá e a conhecia bem.
 
Assassinato aconteceu após o meio-irmão da criança afirmar que terminaria o relacionamento com a jovem.
 
Ainda conforme Natalya Gafner, recentemente Viktoria havia se desentendido com Andrey Gafner, filho de seu marido e meio-irmão de Bogdan. 
 
Dessa maneira, a mãe da criança explicou que o enteado afirmou que iria colocar um ponto final no relacionamento com a babá, o que pode ter resultado no crime.
 
“Tenho certeza que Viktoria se vingou do namorado”.
 
Além disso, a polícia russa divulgou que a mulher postou mensagens perturbadoras nas redes sociais e disse a um amigo que era adoradora do diabo e por isso se tornaria uma “estrela”.
 
“Anticristo sou eu. Eu vejo o diabo em todos (…). A humanidade se leva ao inferno”, escreveu ela. 
 
O caso segue sendo investigado, e a sentença da jovem devem sair dentro de alguns dias.