Fotografo: Divulgação
...
Vereador Rodrigo Coelho quer uma Várzea Grande gerando divisas e Justiça Social

 
 
 
Várzea Grande terra dos sonhos todos. Várzea Grande terra pantaneira. Várzea Grande terra das riquezas culturais e intelectuais. Várzea Grande terra do peixe, terra da farinha de mandioca. Várzea Grande terra do cururu e do siriri. Terra dos homens de bens e de um povo ordeiro e trabalhador, terra dos homens e mulheres empreendedoras e sonhadores por dias melhores.
 
A Várzea Grande que eu quero para meus filhos precisa ter ruas lindas, limpas, floridas, enormes canteiros de jardins floridos por todos os cantos, precisa possuir lindas e preservadas praças com os exuberantes e parques naturais com o verde que muito poucas pessoas comprovam na prática ama-la, preserva-lo e muitos até preferem destrui-los a cada dia!
 
A Várzea Grande que eu sonho para os meus e os seus filhos e nossos netos, precisa ser tão eficiente quanto a máquina do tempo que não para de crescer e evoluir, mesmo que os homens do outro lado da vida tente interromper, mesmo assim, ela atropela quem tiver à sua frente e não poderá parar de caminhar e proporcionar dias melhores a nossa gente.
 
A Várzea Grande que eu quero e sonho, precisa gerar divisas sociais interruptamente, para aqueles que durante uma vida inteira, ainda vive e sonha por dias muito melhores nesta cidade.
 
A Várzea Grande que eu quero, precisa gerar vida social melhor a nossa gente, e vida melhor só se gera quando o ser humano se entrega por amor em defesa de uma causa social naturalmente falando e praticando; queremos nos dedicar em defesa de um sonho que tanto o nosso povo almeja poder viver, mesmo antes de um dia partir daqui, sem a necessidade de ficar trocando de cidade em cidade para bater nas portas do seu sonho.
 
Esta é a cidade que, este povo também outorgou-me poderes para lutar por ela, para oferecer, aos nossos filhos e netos um lindo "quintal" aonde todas as crianças podem jogar bola com segurança, sem drogas, sem maldade e sem infiltração de pessoas do mau que desencaminham as nossas crianças.
 
A cidade que quero precisa ter Justiça com igualdade e respeito pelas nossas mulheres - filhas e esposas guerreiras. Precisa ter educação com eficiência para garantir o futuro de todos aqueles jovens encorajados em um dia conquistar o seu espaço no mercado do trabalho aqui mesmo.
 
Em quanto me for entregue esta outorga e responsabilidade de fiscalizador e legislador da nossa Várzea Grande, terei o meu posicionamento contrário às regalias, às imoralidades, aos favorecimentos, às falcatruas, aos desvios que só tem "guinchado" esta cidade para as margens do empobrecimento. Do seu lado e com a sua juda queremos trabalhar em defesa da moralidade.
 
A cidade que eu quero, precisa de homens e mulheres empreendedores e empregadores sólidos, fortes e eficientes economicamente, para ajudar a cuidar dos nossos filhos que estudam, e após isso, que não seja mais necessário deixarem o seio familiar para por em prática o verdadeiro exercido do seu aprendizado acadêmico fora de Várzea Grande.
 
A final, a cidade que eu quero, nela precisa ter Educação, Lazer, Saúde Pública, Segurança eficiente, ela precisa estar equipada com o maior parque industrial e tecnológico gerando milhares de cadeiras de empregos dia a dia para nossos jovens e chefes de famílias. 
É do meu entendimento que, um cidadão bem remunerado não precisa viver se humilhando nas portas do poder público ou da classe política – ou talvez nunca – para conseguir um médico, o pagamento de uma conta de energia ou uma cesta básica para os filhos. Esta é a cidade que eu quero e lutaremos! 
 
Se você também almeja a mesma cidade que nós, angaje conosco em projetos para que, juntos podemos trabalhar por ideais e projetos promissores que, transfermem a nossa Várzea Grande na cidade dos sonhos de todos nós, juntos teremos muito mais força de decisão, poder e de transformação.