Fundada aos 14 de abril de 2006 pelo Jornalista Eraldo de Freitas - E-mails: redacao@sbcbrasil.com.br

Cidadão Repórter

(65)9966-5664
Várzea Grande(DF), Sexta-Feira, 26 de Fevereiro de 2021 - 09:29
27/01/2021 as 12:16:45 | Por Denise Soares, G1 | 304
27 municípios de MT decretam toque de recolher para conter avanço dos casos de Covid-19
Até terça-feira (26), o estado contabilizava mais de 210 mil casos confirmados da Covid-19 e ultrapassou a marca de 5 mil mortes.
Fotografo: Prefeitura de Diamantino (MT)
Prefeitura de Diamantino (MT) foi uma das que determinou o toque de recolher

Para tentar conter os casos de coronavírus (Covid-19) entre os moradores, 27 dos 141 municípios de Mato Grosso decretaram toque de recolher desde o começo deste mês. Até terça-feira (26), o estado contabilizava mais de 210 mil casos confirmados da Covid-19 e ultrapassou a marca de 5 mil mortes.
 
Em geral, os moradores são proibidos de circular nas cidades entre o final da noite, a partir de 22h, até o fim da madrugada, às 5h.
 
Apesar dos decretos serem individuais, eles seguem critérios parecidos: não valem para os órgãos de segurança, vigias noturnos, delivery, farmácias e drogarias de plantão, profissionais na área da saúde e funcionários de empresa privada que estejam trabalhando no período noturno.
 
Veja a lista dos municípios:
 
Paranatinga
Glória D’ Oeste
Apiacás
Vila Bela da Santíssima Trindade
Água Boa
Santa Cruz do Xingu
Nova Monte Verde
Nova Olímpia
São José do Rio Claro
São José dos Quatro Marcos
Mirassol D’Oeste
Lambari D’Oeste
Juara
Nossa Senhora do Livramento
Aripuanã
Colíder
Cáceres
Indiavaí
Nova Bandeirantes
Nova Marilândia
Nova Ubiratã
Jangada
Arenápolis
Diamantino
Campos de Júlio
União do Sul
Alto Paraguai
 
Decreto estadual
 
Na semana passada, o governo de Mato Grosso editou decreto com novas medidas para prevenção e avanço do contágio da Covid-19 no estado, após o aumento da média móvel de casos, internações hospitalares e mortes pela doença.
 
De acordo com o decreto, pelos próximos 45 dias fica proibida a realização de eventos sociais, festas, shows, atividades em casas noturnas e confraternizações com mais de 100 pessoas em espaços privados ou públicos, “inclusive o uso de logradouros públicos, onde haja aglomeração e consumo de bebidas alcoólicas”.
 
Casos de Covid-19 em Mato Grosso
 
A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta terça-feira (26), 210.567 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 5.019 óbitos em decorrência do coronavírus no estado.
 
Foram notificadas 1.563 novas confirmações de casos de Covid-19 e 26 mortes nas últimas 24 horas. Dos 210.567 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 7.696 estão em isolamento domiciliar e 196.826 estão recuperados.
 
Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 273 internações em UTIs públicas e 307 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 67,92% para UTIs adulto e em 35% para enfermarias adulto.
 
Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (45.776), Rondonópolis (14.034), Várzea Grande (13.898), Sinop (11.118), Tangará da Serra (9.225), Sorriso (9.077), Lucas do Rio Verde (8.440), Primavera do Leste (6.428), Cáceres (4.908) e Nova Mutum (4.421).




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil