Fotografo: Reprodução Globo
...
Quem não tá podendo, deve dar emprego para outro', diz prefeito de Duque de Caxias a servidores sem salário

 
 
 
Os servidores públicos do município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, estão com os salários e vale-transporte atrasados. Na quarta-feira (25), o prefeito Washington Reis discutiu com os funcionários do setor de educação. Em um vídeo que está circulando na internet, ele afirma que vai cortar o ponto e mandar embora quem não trabalhar. Para quem não pode pagar a passagem do próprio bolso, ele sugere que “deve dar emprego para outro”.
 
“Vou falar para você com toda a honestidade. Quem não está podendo tem que pegar e largar o emprego. Dá para outro”, disse Washington Reis.
 
Ele ainda reafirmou que os salários vão atrasar. “Vai ter atraso. Dezembro tem o 13º”.
 
Questionado pelos trabalhadores, que afirmam que já precisam pagar as contas e precisam receber com prioridade, o prefeito afirma que foi a “herança” que ele pegou ao assumir a gestão. Ao ser perguntado como os trabalhadores terão dinheiro para passagem, já que não recebem, ele reafirma que cortará o ponto e os substituirá. “Bota outro que tenha dinheiro para a passagem”.
 
Questionada, a Prefeitura de Duque de Caxias mandou uma nota afirmando que o prefeito foi abordado de forma “grosseira” e considerou o fato uma tentativa de intimidação. Ainda na mesma nota, ela negou que os servidores que não têm dinheiro para ir trabalhar estejam sendo demitidos. 
 
O texto diz ainda que os profissionais que faltarem sem justificativa podem responder a uma sindicância administrativa. E que os salários atrasados de setembro devem ser pagos nos próximos dias.